Guardiões da Galáxia | Square Enix anuncia novo jogo em parceria com a Marvel durante a E3

Os Guardiões da Galáxia irão ganhar mais um jogo, desta vez pelas mãos da Square Enix. Venha e descubra todos os detalhes revelados.

Anunciado neste último domingo, 13 de junho, o jogo Marvel’s Guardians of the Galaxy (ou simplesmente, Guardiões da Galáxia) é o novo resultado da parceria entre a Square Enix e a Marvel Games, sendo o seu 2º trabalho em conjunto desde o ano passado, onde tivemos o Marvel’s Avengers.

Este que não é o 1º jogo desta equipe de desajustados espaciais – visto que tivemos um título lançado em 2017 pela falecida Telltale Games –, também é uma forma de matar a saudade destes personagens. Por que? Pois o seu próximo filme no MCU está marcado para chegar apenas em 2023.

E falando no 3º longa desta equipe nos cinemas, não podemos deixar de lembrar que com a estreia da franquia em 2014, os Guardiões conseguiram ser equipararem aos níveis de popularidade dos próprios Vingadores. Louco, não é? Bem, se é para falarmos de loucura, estamos no assunto certo.

Com o anúncio deste novo game, temos muito para compartilhar com vocês. Então, venham com o Sanatório Geek e descubram tudo de mais interessante que sabemos sobre Marvel’s Guardians of the Galaxy. Além disso, fique por dentro das fofocas e tretas que o jogo já tem gerado. Vamos lá!

A parceria entre Square Enix e a Marvel

A parceria entre Square Enix e a Marvel
Reprodução: Square Enix / Marvel

Como dissemos, o novo jogo dos Guardiões da Galáxia está vindo por meio das mãos da Square Enix. Apesar disso, o jogo na realidade foi feito pela Eidos Montréal, a qual é uma das divisões de desenvolvimento da empresa e que também trouxe ao público os últimos jogos de franquias como Tomb Raider e Deus Ex.

Estes citados são alguns dos títulos mais aclamados da Square, o que nos deixa confiantes com a sua nova empreitada através dos personagens da Marvel, não é? Bem, isso seria verdade se não tivéssemos tido um elefante na sala em 2020, chamado Marvel’s Avengers.

A ideia de criar um jogo digno do nome desta super-equipe não é algo recente. Desde 2011, temos visto tentativas de trazer o grupo para os holofotes deste mercado. Um dos maiores exemplos teve seus primeiros estágios de progresso através da THQ (Metro 2033 / Last Light, Darksiders e Saints Row).

Como podemos notar pelo vídeo acima, a TQH estaria apostando em um estilo de gameplay parecida com a franquia Left 4 Dead. Onde teríamos a opção de jogar em co-op com até 4 jogadores. Nisso, apesar de terem criado um hype através dos geeks e gamers de todo o mundo, o projeto foi cancelado.

E por que isso aconteceu? Simplesmente pela compra da Marvel pela Disney. Inclusive, o mesmo ocorreu com cerca de 3 jogos AAA de Star Wars. Mas, voltando aos Vingadores, os fãs só puderam ver a luz no fim do túnel para este projeto dos sonhos com o anúncio de um novo jogo por parte da Eidos e da Crystal Dynamics (Tomb Raider e Legacy of Kain).

Com constantes atualizações, através de teasers e trailers, as expectativas para o primeiro grande jogo destes personagens estavam nas alturas. Então, ele foi lançado em agosto de 2020, e… foi um completa bomba. Se tratando de um jogo no estilo “looter-shooter”, o gameplay não demorou para mostrar-se repetitivo e incompleto.

Além disso, a narrativa que o jogo prometeu trazer, não foi das mais impressionantes. Mas, com toda certeza, o ponto que fez com que o produto final fosse totalmente odiado pelos jogadores foram as microtransaçōes, que mostravam a real intenção do projeto: manter os ganhos pelo máximo de tempo possível.

Com isso, Marvel’s Avengers, que deveria ser o jogo em que a comunidade se juntaria para dizer “Assemble/Avante” juntos, acabou sendo uma grande e péssima mancha para o histórico da Square Enix. Apesar disso, alguns dos usuários que o compararam, continuam aguardando com que o jogo fique devidamente completo. Através de DLCs como a do Pantera Negra, anunciada durante a E3.

Conheçam ‘Marvel’s Guardians of the Galaxy’

Conheçam o novo jogo dos Guardiões da Galáxia
Reprodução: Square Enix / Marvel

Agora que recapitulamos a trajetória entre as empresas, podemos falar sobre o seu novo jogo, Marvel’s Guardians of the Galaxy. Este que promete fazer o oposto de tudo que o público criticou anteriormente. E podemos começar a notar as diferenças na base do jogo, pois este será um single-player em 3ª pessoa.

Mas os maiores diferenciais são os fatos de que Guardiões da Galáxia será uma experiência offline; centrada na construção de narrativa e personagens; e que irá possibilitar o controle de apenas um dos membros do grupo. Em meio a essas afirmações, temos muito o que comentar. Portanto, vamos por partes.

Comecemos pela ausência de multiplayer. Essa é uma decisão que aparentou agradar boa parte do público, pois demonstrou o comprometimento das empresas em fazer diferente de Vingadores, onde o “come together” acabou ofuscando o desenvolvimento de uma boa história com duração moderada.

Agora, este cenário se inverte com a revelação de que apenas Peter Quill, ou Senhor das Estrelas, será um personagem propriamente jogável. Isso acabou sendo o ponto de maiores críticas negativas até então. Pois como é de se esperar, todos os 5 Guardiões principais possuem carisma e diferenciais exploráveis.

Porém, essa decisão controversa pode ser explicada de uma forma bem direta: este será o protagonista da história e o líder do grupo. Segundo os desenvolveres, a intenção deste jogo é colocar o jogador na pele de Quill, enquanto ele busca provar o seu valor como um herói de aluguel e como o dito comandante de seus companheiros.

Além disso, os fãs não devem ficar sem experimentar as habilidades de cada um dos demais personagens, já que de uma maneira semelhante à Dragon Age, poderemos dar comandos específicos para os demais Guardiões em meio aos momentos de combate.

Por meio de um artigo no próprio site da Square Enix, o Diretor Criativo Sênior da Eidos Montréal, Jean-François Dugas, revelou que a escolha de colocar o personagem como o foco do jogo, se deu logo nos primeiros estágios de planejamento.

Mais informações interessantes sobre o projeto como essa, podem ser conferidas em um curto vídeo liberado pela empresa, que vocês podem conferir logo abaixo.

Por fim, antes de seguirmos em frente por aqui, não deixem de assistir ao primeiro trailer lançado para o novo jogo dos Guardiões da Galáxia, que está disponível com legendas em português, em seguida.

Ah, mas antes, é interessante notar que este é o segundo trailer na semana a usar a música “Holding Out for a Hero” em sua trilha sonora. Sendo que o primeiro foi o de Mestres do Universo: Salvando Eternia, da Netflix. Divulgado durante o evento semanal de nome “Geeked Week“, criado pela empresa neste ano. Coincidência?

Sinopse, gameplay e data de estreia para ‘Marvel’s Guardians of the Galaxy’

Sinopse, gameplay e data de estreia para ‘Marvel’s Guardians of the Galaxy’
Reprodução: Square Enix / Marvel

Por se tratar de um jogo single-player, Marvel’s Guardians of the Galaxy irá adotar muitos sistemas notáveis em Action RPGs. Um destes, que foi melhor apresentado pela empresa durante os materiais de revelação, é o sistema de escolhas. Portanto, ao longo da história, os jogadores deverão escolher entre opções de diálogos e caminhos a serem tomados.

Este fator será um grande diferencial na proposta de nos colocar na pele do próprio “Star-Lord”, onde iremos ter de tomar cuidado com a maneira como tratamos os Guardiões e em como iremos abordar os problemas que vierem pela frente.

Abaixo, podemos ver um exemplo de escolha, onde o grupo discute quem eles devem vender para prosseguir com seus esquemas, Groot ou Rocky?

E falando de redes sociais, todos se lembram do nome “James Gunn”, não é? Ele que é o diretor dos dois filmes dos Guardiões já lançados, e que irá retornar para a 3ª sequência em um futuro próximo, acabou comentando sobre o novo jogo. Em um tweet sobre o trailer de revelação, ele brincou:

James Gunn

Haha. Muito legal. Mal posso esperar para jogar e aprender mais sobre essa tal de lhama que o Drax está segurando.

Agora, já que falamos tanto sobre o foco na construção de uma nova história para este grupo de desajustados do espaço, vamos dar uma olhada na sinopse oficial divulgada para o jogo. Vejam-na logo a seguir.

Sinopse de ‘Marvel´s Guardians of the Galaxy’

“No nosso jogo, os Guardiões estão juntos há menos de um ano, viajando pela galáxia em busca de grandes aventuras (e grandes lucros). No fundo, eles também buscam esquecer as lembranças de uma guerra galáctica que aconteceu há 12 anos. Nesse grupo de desajustados, eles veem uma oportunidade de recomeçar.

Um dia, eles resolvem explorar uma área espacial proibida cheia de escombros na busca por um monstrengo e uma graninha. Os Guardiões, sendo quem são, resolvem brincar e fazer uma aposta sem noção com muito potencial para dar muito errado.

Dito e feito. A aposta dá errado, e logo eles percebem que desencadearam uma série de eventos de proporções catastróficas. Sob a liderança (mais ou menos) do Senhor das Estrelas, os Guardiões precisarão percorrer a galáxia de ponta a ponta para corrigir este erro e, quem sabe, se tornar uma família.”

É perceptível que optaram por dar “skip” na introdução dos personagens e em como eles se conheceram. Essa estratégia é provavelmente um fruto da fama que os Guardiões acumularam desde 2014, onde é difícil achar alguém que já não conheça a base de suas origens. Nisso, o foco será direcionado na nova abordagem e história.

Sobre as adaptações feitas, citamos anteriormente que o game tem sido criticado por não possibilitar jogar com Drax, Gamora, Groot e Rocket Racoon. Nisso, outro detalhe que vem decepcionando alguns são os visuais dos personagens, que foram criados a partir da mistura de suas aparências nas HQs e no cinema.

Além dessas imagens, a Square Enix também liberou algumas artes que trazem o design criado para o jogo em uma abordagem 100% ligada aos quadrinhos. Confiram:

Enfim, chegamos no momento de encerrar o texto de hoje. Esperamos não ter cansado vocês com tantas informações. Para encerrar, devemos dizer que Marvel’s Guardians of the Galaxy já tem data de estreia marcada para o dia 26 de outubro. Estando atualmente em fase de pré-venda, o jogo pode ser adquirido para PS4, PS5, Xbox Series X/S, Xbox One e PC.

Para mais informações sobre o futuro do grupo nos cinemas, não deixem de conferir tudo que sabemos em nosso Guia Definitivo da Frase 4 do MCU. Já caso estejam interessados por mais detalhes do jogo, vocês podem ter uma noção maior de como ele será por meio da 1ª gameplay lançada (legendada), disponível logo ao final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui